terça-feira, 29 de maio de 2012

VENDILHÕES DO BRASIL

Pelo menos 27 mil trabalhadores serão afetados diretamente pelo número recorde de fusões e aquisições ocorrido desde o início desta semana por conta das mudanças nas leis antitruste brasileiras. Nenhuma das cerca de 15 companhias envolvidas nas operações que movimentaram mais de R$ 6 bilhões nos últimos dias revelou se fará demissões ou se vai reestruturar as operações das empresas que foram compradas.
A Rapidão Cometa, que foi adquirida pela Fedex, é a empresa com o maior número de funcionários entre as 15 que foram compradas entre segunda e terça-feira. Ao todo a empresa, com operações no 27 estados brasileiros, tem cerca de 9 mil empregados.
A compra da Leader pelo BTG também afetará alguns milhares de trabalhadores. Ao todo são 5 mil funcionários espalhados pelas 60 lojas da rede no país. Já   a rede de churrascarias Fogo de Chão Churrascaria,   que foi vendida pelo GP Investimentos para o fundo Thomas H Lee Partners por R$ 400 milhões, emprega cerca de 3,5 mil funcionários em suas 25 unidades no Brasil e nos Estados Unidos.
O menor negócio envolvendo trabalhadores foi venda da divisão de galvanizados da Mangels, adquirida pela Armco Staco por R$ 15 milhões. São apenas 100 funcionários na divisão.