sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Ironia e contradição dos "rebeldes" líbios


Após tomarem Trípoli, os "rebeldes" tiraram fotos diante do monumento erguido por Kadafi em resposta a um antigo bombardeio dos EUA na Líbia.

Como é que os "rebeldes" puderam tirar fotos diante deste monumento? Afinal foram os aviões dos EUA e da Otan que os "ajudaram" a ganhar a Guerra,  com os seus "bombardeios de proteção à população civil".

Agora os "rebeldes" deverão por abaixo este monumento, porque fica mal com os seus padrinhos dos EUA e Europa manter este símbolo que tanto os ajudou (avião bombardeio), sendo esmagado pela mão líbia.

Em meio às suas inúmeras loucuras Kadafi tinha uma lucidez: a de não se dobrar ao Império Evangélico dos EUA e da decadente Europa.