sábado, 27 de agosto de 2011

Como é a religiosidade do estado do Rio de Janeiro onde ocorrerá a Jornada Mundial da Juventude católica em 2013

Rio de Janeiro é o segundo estado com mais pessoas sem religião

Um relatório da Fundação Getúlio Vargas (FGV), apresentado no dia 23, mostrou que o Rio de Janeiro é o estado com mais pessoas sem religião e o segundo com o menor número de católicos. Veja outros dados.

Curiosamente, no dia 21, o Papa Bento XVI anunciou em Madrid, que o Rio de Janeiro será a sede da próxima Jornada Mundial da Juventude, encontro que deve reunir milhares de católicos de todo o mundo.

O primeiro estado com mais pessoas sem religião é Roraima, com 19,39%. O Rio de Janeiro vem em segundo com 15,95%. Entre os que se declaram católico o RJ aparece na penúltima colocação, com 49,83%, à frente de Roraima, com 46,78%. O Estado com mais pessoas que se declaram católicos é o Piauí – 87,93%.

Já entre os espiritualistas e os de religião afro-brasileira, o RJ aparece em primeiro lugar, com 3,37% e 1,61%, respectivamente, e o segundo em religiões orientais (0,69%). Além disso, é o quinto nas evangélicas tradicionais (10,66%) e o 15º nas evangélicas pentecostais (14,18%). No primeiro caso, o Espírito Santo ocupa o primeiro lugar (15,09%) e, no segundo caso, o Acre é o primeiro (24,18%).

A pesquisa mostra ainda que a periferia do Grande Rio – quando a capital é excluída – é a que reúne menos católicos de todas as metrópoles brasileiras (40,02%), como também menos religiosa, com 23,68% da população sem qualquer crença.

A pesquisa completa pode ser acessada na página da FGV: http://www.fgv.br/cps/religiao/