segunda-feira, 14 de março de 2011

Banco Central se torna uma alcova dos interesses dos grandes bancos

Assistindo a entrevista do ex-presidente do Banco Santos, que decidiu sair a campo em sua defesa, vai ficando claro a função que o Banco Central teve sob o comando de Henrique Meirelles, qual seja a de defender os interesses dos grandes bancos.

Posições administrativas de importância do Banco Central são ocupadas por pessoas que defendem os interesses dos grandes Bancos. Os antigos acusadores do banco Santos encontram-se trabalhando em grandes bancos hoje, sinal de que provavelmente estiveram à serviço dos mesmos.

É necessária uma investigação e prisão destes golpistas que assaltaram o Banco Central, e o tornaram uma instituição, que em vez de defender os interesses da população, defendem os grandes banqueiros, isto emplena gestão Meirelles.

A entrevista que assisti na Band hoje à noite, 13 de março, aponta que os problemas do Banco Santos começaram quando houve a intervenção, que gerou um desgaste da imagem do Banco Santos na mídia, com repercussões entre os clientes.

Muito interessante.

Exigimos uma investigação no Banco Central já !!!