sábado, 23 de julho de 2011

Neo-nazismo norueguês é causa do terror

Quando se esperava uma ação do terror fundamentalista, o neo-nazismo norueguês mostra que o islamismo é nada, perto dos atentados que pratica.

Ocorre que os grupos neo-nazistas são muito mais tolerados na Europa e EUA do que qualquer outro movimento.

No Brasil, este terrorismo de direita também existe, e está incubado, mas mantém seu potencial bélico.

Lembro-me em uma ocasião, quando fui candidato a vereador, por São Paulo, em plena ditadura militar, um cabo eleitoral que me apoiava, chamado Marcos, foi sequestrado por um grupo.

Sentado no meio do banco de trás do carro, com dois brutamontes de cada lado, ouviu um deles falar: Você sabia que a direita é forte? Vou te mostrar como a direita é forte. e começou a socá-lo no braço direito, com um soco inglês. após algum tempo deixou-o em um esquina com o braço direito todo marcado por sangue pisado.

Já próximo da redemocratização, enquanto participávamos de uma passeata no centro da cidade, esta pessoa que o socou no braço direito, apareceu ao seu lado na passeata, e o cumprimentou, dizendo: e aí Marcos, tudo bem? - só para amedrontá-lo.  Para vocês verem como era a perseguição na época.

Em outra ocasião, telefonaram-me de madrugada para me ameaçar, e à minha família.

No Brasil de então eles formaram o chamado CCC, Comando de Caça aos Comunistas, com filhos nutridos das elites paulistanas. No movimento estudantil jorrava dinheiro do Tio Sam para os jovens que apoiavam movimentos contra a UNE.

Por fim o terror se espalhou pelo próprio aparelho do estado, sequestrando e provocando os chamados "suicídios". Era a Operação Bandeirantes, e outras como Operação Parasar, que diziam, jogavam os presos políticos de avião, no meio do oceano Atlântico.

É mole?

A extrema direita é muito tolerada na Europa.

No Brasil, os carecas andam à vontade, e pegam nas ruas os gays, os nordestinos, e os negros; é só dar mole para eles e batem até matar.

Vamos ver se o governo Norueguês toma ações mais efetivas para prender estes movimentos antidemocráticos.

A nossa solidariedade à famílias das vítimas deste horrível atentado.