segunda-feira, 7 de março de 2011

Urgente denúncia internacional contra invasão da Líbia

É de conhecimento de todos que Muamar Kadafi ao romper com o Império norte americano, décadas atrás, deveria ter feito sua lição de casa, isto é, promovido profundas reformas que beneficiassem a população líbia, principalmente os mais pobres, respeitando os direitos tribais, e abrindo a sociedade para a participação política.

Muito disto não ocorreu.

Entretanto, Kadafi manteve-se independente dos interesses do ocidente, o que lhe valeu também um longo isolamento político, que ele foi recuperando aos poucos, principalmente depois que o socialismo na antiga URSS terminou.

Faltou-lhe abertura à participação popular, e criação de oportunidades e trabalho.

Agora, procura reunir o que lhe resta de poder. Bem se vê que não estava tão isolado como se dizia na mídia ocidental.

Os EUA, ávidos de poder, e em recuperar sua influência imperial, estão estacionando a sexta frota próxima à Líbia, com evidentes intenções de invadir, para provocar o golpe contra Kadafi.

Pelo que temos visto no Oriente Médio, as invasões norteamericanas trouxeram situações de deterioração ainda maiores nos países onde estiveram, caso do Iraque, todo devastado, e do Afeganistão, sendo que em nenhum destes países pode-se dizer que a paz foi atingida.

Muito pelo contrário, hoje o Iraque e o Afeganistão estão pegando fogo, e não existe nenhuma garantia de que a situação melhorará.

Por isso, devemos gritar bem alto para que todos ouçam, que somos profundamente contrários a uma invasão de forças ocidentais na Líbia, e consideramos isto uma invasão com interesses claros e específicos, de petróleo e de aniquilação de um governo independente.

Aqui no Brasil, quando a Argentina ofereceu apoio militar aos farrapos, a resposta que recebeu foi de que à primeira bala argentina que matasse um soldado brasileiro, seria assinado um armistício com o governo, pois os farrapos eram antes de tudo brasileiros. Assim seja também entre o povo líbio.

Que o povo líbio seja o ún ico autor de seus destinos!

Fora toda e qualquer tentativa de invasão de forças estrangeiras na Líbia!

Não ao controle aéreo da Líbia, por forças estrangeiras!

Viva a independência dos povos em decidir por si só seus destinos!