sexta-feira, 2 de setembro de 2011

Europa agora prepara a invasão da Síria.

Primeiro com uma tremenda sanção econômica, não comprando o petróleo da Síria. Vão quebrar a economia Síria, e depois mandarão aviões para apoiar a população civil. Então destroçarão as cidades sírias até deixar como na Líbia, Tudo em terra arrasada.

Ironicamente os "rebeldes" sírios dizem que farão eleições gerais daqui a 20 meses. Sim 20 meses, isto é dois anos.

Começou a aparecer a verdadeira natureza dos "rebeldes": é um amontoado que não sabe como desenrolar a situação caótica em que eles mesmos se enrolaram.

Agora eles não tem condições de preparar uma vida democrática, porque não são nem nunca foram democráticos.

A Líbia de agora será um território de conflitos constantes, exatamente como a OTAN, a Europa e o Império evangélico desejam.